Durante o mês de novembro, diversas atividades realizadas pelas Seções Sindicais do ANDES-SN marcaram o dia da Consciência Negra, celebrado no dia 20, e o Dia Nacional de Luta contra o racismo nas Instituições de Ensino Superior, no dia 22. Muitas realizaram também o lançamento da Cartilha contra o Racismo, elaborada pelo Sindicato Nacional.

O Dia de Luta contra o Racismo nas IES foi deliberado durante o 63º Conad, realizado em julho na cidade de Fortaleza (CE). A data escolhida – 22 de novembro – marca o início da Revolta da Chibata, liderado por João Cândido, no Rio de Janeiro (RJ) em 1910.

Entre as seções sindicais que já realizaram o lançamento da cartilha de combate ao Racismo estão Aduneb SSind, Adufes SSind e a Adunemat SSind. A Sedufsm SSind.  fez uma assembleia para debater as pautas da categoria no dia 22 e apresentou a cartilha do Sindicato Nacional aos docentes. A Apes JF SSind. também foram desenvolvidas várias atividades. Já na Adunirio SSind. ocorreu o debate Marxismo e Questão Racial, no dia 21, com o historiador Jones Manoel, autor do livro “Revolução Africana”.

A Regional Planalto do ANDES-SN também realizou debate com o lançamento da cartilha na Universidade Federal de Goiás (UFG) no Campus Goiânia, dia 19, e no Campus Cidade de Goiás, no dia 20. A cartilha ainda será apresentada na Aduenf SSind (26/11), na Asduerj SSind (27/11), na Adusb SSind (28/11). Na Aduff SSind o lançamento também ocorre dia 28, durante o debate “Cotas para negros em concursos para docentes de IES: quem aplica a lei?”. Já a Adufpa SSind realiza, no dia 29, o Seminário “Combate ao Racismo – Resistências e Lutas na Amazônia”, com lançamento da cartilha do Sindicato Nacional.

Clique e confira aqui o material

Fonte: ANDES-SN