Nota de repúdio as declarações e incitação de ódio a comunidade escolar promovido pela Deputada Estadual eleita em SC, Ana Caroline Campagnolo (PSL)

2018-10-29T18:15:31+00:0029 de outubro de 2018|

Na noite de 28/10/2018, Ana Caroline Campagnolo, Deputada Estadual eleita por Santa Catarina para a legislatura de 2019-2022 defensora do Projeto Escola Sem Partido, divulgou em suas redes sociais uma mensagem em tom ameaçador convocando os estudantes em sala a filmarem seus professores a partir de segunda, dia 29/10/2018 alegando doutrinação pós-eleição. A liberdade de expressão dos professores em sala de aula foi explicitamente atacada pela futura Deputada Estadual, que está incitando ódio ao afirmar inverdades, provocando um ambiente escolar insalubre e repressivo, visto que nas atribuições em sala de aula, ao ensinarem os conteúdos científicos/escolares, os professores apresentam e promovem debates com a total lisura respeitando o livre pensamento dos alunos e da comunidade educacional em geral. Já é evidente a tentativa de cerceamento dos professores por uma candidata que mesmo sem ter assumido está se valendo de autoritarismo para promover suas ideias de forma leviana e antidemocrática!
A Universidade e outros espaços de produção do conhecimento são locais de encontro e confronto de ideias, da promoção do pensamento crítico e da construção de uma sociedade justa e democrática, portanto, o cerceamento deste ambiente de diálogo e da possibilidade da utilização de referenciais clássicos do ensino, não podem ser tolerados.

A seção sindical do ANDES-SN na UFSC repudia a ação repressiva e intimidatória da referida Deputada Estadual eleita.

Reafirmamos nossa posição por uma educação pública, gratuita, de qualidade, laica e socialmente referenciada. Pela liberdade de pensamento e de expressão. Pela democracia.
Por uma Educação Livre!

Florianópolis-SC, 29 de outubro de 2018.

Diretoria da ANDESUFSC

X